TJRJ presta homenagem póstuma à juíza Eduarda Campos

11/03/2014

A Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Desembargadora Leila Mariano, manifestou voto de pesar de todo o Tribunal pelo falecimento precoce da Juíza Eduarda Monteiro de Castro Souza Campos nesta segunda-feira, dia 10 de março. Na ocasião, a presidente sugeriu ainda que a magistrada seja homenageada com a atribuição de seu nome ao Centro de Solução Não Adversarial de Conflitos, que será inaugurado, em breve, na Lâmina V do Complexo Judiciário. A proposta foi aprovada, por unanimidade, pelo Órgão Especial. Aprovada no XXV Concurso para Ingresso na Magistratura de Carreira, a Juíza Eduarda Campos foi nomeada para o cargo de juiz substituto em 1996, tendo sido promovida, no ano seguinte, ao cargo de juiz de Direito de Entrância do Interior/Comum, e, em 2002, ao cargo de juiz de Direito de Entrância Especial. Desde 2005, a magistrada era a titular do III Juizado Especial Cível da Capital. (M.B./W.L)



Mais Notícias em TJ-RJ



Comentários estão encerrados.

Previous post:

Next post: