Proposta de revisão do Código Ambiental começa a tramitar na Assembleia Legislativa nesta semana

06/08/2013

Foto: Lucas Diniz

O anteprojeto de lei com a adequação dos principais pontos da Código Ambiental Catarinense ao Código Florestal,  foi entregue nesta terça-feira (6) ao presidente do Parlamento, deputado Joares Ponticelli (PP), pelo deputado Romildo Titon (PMDB), vice-presidente da Casa. Titon foi o relator do projeto que criou o Código Ambiental em 2009 e coordenou nos últimos quatro meses o trabalho da comissão técnica que cuidou da revisão do texto.

Nara Cordeiro
Radio AL



Mais Notícias em AL-SC



  • Imprensa de Santa Catarina comemora 183 anos

    de Novembro, em Florianópolis, e foi promovida pela Associação Catarinense de Imprensa, pela Maçonaria de Santa Catarina, 14ª Brigada de Infantaria Motorizada do Exército, Instituto Histórico e Geográfico do Estado e a Academia Catarinense de Letras. Entrevistas: Ademir Arnon,

  • Afalesc abre inscrições para torneio de paintball

    Associação dos Funcionários da Assembleia Legislativa promove a partir da segunda metade de agosto o 1ª Torneio de Paintball da entidade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 15 de agosto na sede da Associação, na

  • Ato solene marca o Dia da Imprensa Catarinense

    Armadas, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar  também prestaram homenagens a Jerônimo Coelho. "Ele foi um personagem ímpar da história catarinense. Figura pública de grande importância para a nossa sociedade, foi de singular envergadura, tanto no campo

  • Evento discute cultura afro e inclusão da mulher negra no mercado de trabalho

    membro da diretoria da Associação de Mulheres Negras Antonieta de Barros; Rosane Nunes da Silva, presidente da Associação de Resgate Cultural Afro - Mãe África Pai Brasil; e Marilú de Oliveira, coordenadora do Programa Antonieta de Barros (PAB) da Assembleia Legislativa.

  • “Estamos sempre à margem”, afirma ativista em evento no Dia internacional da Mulher Negra

    seu papel na sociedade e neste processo”, resumiu Marilú. A professora Altair Alves Lúcio, membro da diretoria da AMAB, passeou pela história catarinense e lembrou nomes de mulheres negras do passado e da atualidade que contribuíram e contribuem na

Comentários estão encerrados.

Previous post:

Next post: