2º Juizado Especial Cível inicia mutirão em Vila Velha

17/08/2012

O 2º Juizado Especial Cível Adjunto de Vila Velha/Estácio de Sá inicia na segunda-feira (20) o seu quarto mutirão, em que visa concretizar o julgamento de 540 processos, no Fórum da Prainha.

O mutirão, que começa sempre às 8 horas, se estenderá até o dia 31 de agosto. Um dos coordenadores dos Juizados Especiais do Tribunal de Justiça, juiz Daniel Peçanha Moreira, explicou que o objetivo é realizar audiências e julgar todos os 540 processos em duas semanas.

“Com este mutirão, o Judiciário estará antecipando a solução de processos que seriam julgados somente em 2013”, informou o juiz Daniel Peçanha.

Nesta sexta-feira, o Judiciário encerrou o mutirão escolar, em que 80,20% dos processos analisados chegaram a um acordo. Os acordos, entre escolas e alunos, movimentaram R$ 808 mil.

 

Assessoria de Comunicação do TJES
17 de Agosto de 2012



Mais Notícias em TJ-ES



  • Granajs têm novas regras para obterem certificação

    doença de Newcastle.                                  Entre os procedimentos descritos estão os relativos a biosseguridade, vigilância epidemiológica, supervisões e auditorias. De acordo com ela, todas as granjas de reprodução, granjas de corte e incubatórios, além de fábricas de ração, devem estar registrados no

  • Conferência Estadual vai debater Direitos Humanos e da Terra

    discussão na sociedade e nos conselhos de direitos do Estado, sobre políticas públicas em Direitos Humanos em Mato Grosso. O gestor destaca que há mais de 10 anos existe uma proposta de um Programa Estadual de Direitos Humanos, apresentado pela

  • Unemat promove Semana Jurídica

    da transformação social não apenas no Direito aplicado, mas sim em toda a justiça de uma forma geral”, explica o coordenador.                              A presidente do Centro Acadêmico de Direito, Adriane Nascimento, explica que a entidade estudantil assumiu a responsabilidade

Comentários estão encerrados.

Previous post:

Next post: